esportes_olimpicos

O fechamento das Olimpíadas Rio 2016 deixou no povo brasileiro com uma sensação de quero mais. 
Mas saiba que alguns esportes olímpicos não precisam ser praticados exclusivamente por atletas de alto rendimento ou de maneira competitiva.

O evento chamou a atenção para um leque de possibilidades, que não se restringem à velha academia do dia a dia, cujas práticas trazem tantos benefícios para a saúde física, quanto mental, inclusive no combate à insônia e ansiedade.

Confira algumas modalidades que podem ter sua prática disseminada e incluída no seu dia a dia das.

Atletismo

atletismo

O atletismo é o conjunto de esportes formado por três modalidades: corrida, lançamentos e saltos. A corrida é uma modalidade que exige técnica e condicionamento, mas com a preparação adequada, pode ser praticada por qualquer pessoa. Já as modalidades de arremesso e salto devem ser iniciadas com metas pequenas, que vão aumentando conforme a evolução do praticante.

Badminton

badminton

Ainda pouco popular no Brasil e caracterizado por ser um misto de tênis e vôlei de praia jogado com uma peteca e uma raquete, é praticado por duplas femininas, masculinas ou mistas. A estimativa é de que, durante uma partida, cada atleta execute mais de 2 mil golpes, sendo 200 deles golpes de força, em que há a intenção deliberada de pontuar. Mas tanto esforço tem recompensa: um adulto pode queimar até 370 calorias com uma hora de exercício moderado, com fins recreativos.

Esportes coletivos – Futebol, Basquete, Handebol e Vôlei

futebol

Esses esportes trazem todos os benefícios dos esportes competitivos e coletivos. Entre eles, a prática de exercícios físicos e a integração social. São exercícios que requerem condicionamento, força e flexibilidade. São bons exercícios cardiovasculares e com moderado risco de lesões e colisões com outros jogadores. O gasto calórico em uma hora de jogo pode ultrapassar 600 calorias. Podem ser praticado ao ar livre, em praças, parques e escolas.

Boxe

boxe

Essa modalidade já é comum em muitas academias. É uma prática que alia defesa pessoal ao condicionamento físico, coordenação motora e o fortalecimento da musculatura. Além disso, a atividade manda o estresse para longe. Uma aula de uma hora gasta de 600 até 1.000 calorias, dependendo da intensidade do exercício e não necessariamente significa que o praticante precisa competir ou correr riscos de se machucar, muitas vezes a finalidade é apenas recreativa, educativa e terapêutica, e o combate é opcional.

Canoagem

canoagem

O esporte aquático representa uma ótima maneira de queimar caloria e definir músculos, além disso, a canoagem permite maior contato com a natureza e alivia o estresse. A movimentação dos braços é constante na canoagem, independente da modalidade. A cada remada o corpo gasta quantidade aproximada de energia que gasta em um abdominal, e por trabalhar toda a musculatura da parte superior do corpo através do movimento dos braços, o efeito do esporte é muito positivo na região abdominal. Além disso, o contato direto com a natureza garante tranquilidade e calma durante a canoagem. A sensação prevalece mesmo após a prática, já que o esporte libera hormônios relacionados ao bem estar.

Ciclismo

ciclismo

As modalidades do ciclismo variam conforme o ambiente (terra, trilha, pistas, estradas etc), conforme o tipo e mecânica da bicicleta, aparatos de segurança e vestimenta. Cada modalidade também exige um treinamento diferenciado e possui seus próprios regulamentos. O principal objetivo do ciclismo é atingir uma meta no menor tempo possível, seja através de uma corrida, ou apenas provando resistência, para isso, deve ser utilizada a bicicleta apropriada para cada modalidade, assim como aparatos de segurança que garantam a integridade física dos esportistas. Competições a parte, o ciclismo recreativo é um esporte prazeroso, que pode ser realizado nas ruas, parques e ciclovias de sua cidade.

Ginásticas

ginastica-ritmica

A palavra Ginastica, surgiu do grego Gymnastiké, que é a arte de fortificar o corpo e também dar-lhe agilidade. Muitas vezes é procurada para quem quer melhorar o corpo, emagrecer ou até mesmo fortalecer os músculos e relaxar a mente. Ela pode ser praticada em equipe, ou individualmente, e conforme a modalidade é possível incrementar a prática com danças, contorcionismos e equipamentos. Porém para que os movimentos fiquem perfeitos é necessário muito treinamento, principalmente dos exercícios que envolvem flexibilidade e equilíbrio.

Judô

judo

Judô é uma arte marcial praticada como esporte, que tem por objetivo desenvolver técnicas de defesa pessoal, fortalecer o corpo, o físico e a mente de forma integrada. A luta acontece no tatame, com o objetivo de alcançar um ponto através de um dos seguintes golpes: derrubar o adversário, obrigando-o a colocar os ombros no chão; imobilizá-lo por trinta segundos; e chave-de-braço.  É um dos esportes mais praticados no mundo e sua prática não é restrita somente a homens com vigor físico, estendendo-se também a mulheres, crianças e idosos.

Natação

pasalix_natacao

Para muitos, esse é considerado o esporte mais completo em termos físicos. Primeiramente porque pode ser praticado por qualquer pessoa, em qualquer idade, variando a intensidade conforme orientação médica. É um esporte que necessita de aprendizagem, o que favorece o ganho de condicionamento em etapas. A natação tem pouco impacto, mas pode ter alta queima calórica, além de auxiliar no tratamento de asma e bronquite. Afinal, a musculatura torácica irá se desenvolver bem, e o ar respirado ao nadar sempre estará umedecido pelas microgotículas de água que pairam a centímetros da superfície d’água, o que ajuda a fluidificar as secreções comuns e muito incomodativas por piorar a qualidade de vida. Além disso, atividades na água, por si só, são revigorantes e relaxantes.

Recomendados

Cheiro de natureza interfere positivamente no gerenciamento do estresse
Leia mais...
Série “Filmes que fazem bem para a alma” – “A voz do coração”, de Christophe Barratier
Leia mais...
10 sinais de que o estresse está te deixando doente
Leia mais...
Dormir com cobertores pesados ajuda contra insônia, estresse e ansiedade
Leia mais...
Como manter a calma para a prova do Enem?
Leia mais...

0 comments

Responder