06_capa_pasalix_pi.png

A Síndrome do Pensamento Acelerado (SPA) caracteriza-se por quadros de ansiedade, dificuldade de concentração e de aprendizado, falta de memória, fácil irritação, noites mal dormidas, cansaço físico e mental.

Quem sofre com a síndrome age de forma mais passiva, com dificuldade de organizar pensamentos e emitir opiniões. O tratamento consiste em readaptar dos hábitos de vida, como incluir atividades físicas na semana e dedicar períodos do dia para o bem-estar, seja uma meditação, ouvir uma música, ler um livro ou fazer uma caminhada.

O pensamento acelerado é um dos sinais de que existe um distúrbio de ansiedade. Pensar muitas coisas ao mesmo tempo leva a dificuldades de concentração e foco. Isso também faz com que o indivíduo não veja as situações com clareza e compreensão.

Da mesma forma, o pensamento acelerado faz com que não haja uma eficiente apreensão da memória. Portanto, não é raro que uma pessoa ansiosa tenha mais dificuldade na aprendizagem e na retenção de informações.

Outro problema que surge para quem tem essa síndrome é a insônia. Para algumas pessoas é na hora de dormir que surgem picos de ansiedade e aparece esse sintoma, que impedem um sono de qualidade. É como se a noite a mente tivesse ainda mais em atividade na hora do sono e quanto mais cansado, pior é a sensação. O resultado disso é a insônia e outros distúrbios do sono que podem surgir ao longo do tempo.

 

 

Recomendados

Como manter a calma para a prova do Enem?
Leia mais...
O uso de smartphones  aumenta a ansiedade
Leia mais...
Insônia: dorme mal ou é ansiedade?
Leia mais...

0 comments

Responder