19_1080x608Posts_pasalixv1

Só de pensar em apresentar um trabalho, fazer um discurso ou falar em público por qualquer motivo, o pânico toma conta.

Calafrios, dor de barriga, suor excessivo, gagueira e taquicardia são alguns dos sintomas sentidos por aqueles que têm essa fobia, e esse bloqueio pode atrapalhar a vida social e profissional.

Veja algumas dicas de como driblar esse medo:

Prepare-se:

Fuja das situações de improviso, que pode aumentar a insegurança. O ideal é preparar o conteúdo da fala e ensaiar. O importante é ter a segurança de que você domina o assunto, e por consequência, passar isso para o público.

Controle a ansiedade:

Encare o medo e tente racionaliza-lo, evitando sentimentos negativos e pessimistas. Alguns truques também podem ajudar a controlar o nervosismo, como a respiração profunda por alguns minutos antes de falar.

Controle a velocidade da fala:

Falar rápido é um sinal de ansiedade e demonstra nervosismo. Além disso, abre espaço para erros e perda de raciocínio. Falar exageradamente devagar deixa o discurso cansativo. O ideal é ser o mais natural possível, adaptando a sua forma de falar ao ambiente em que se expõe. Também é imprescindível falar pausadamente, com boa dicção e sempre repetir as informações importantes.

Não tenha medo de falhar:

Sim, falhas, engasgos e falta de memória podem acontecer com qualquer pessoa. Se houver algum deslize sorria e retome o assunto. O humor também é um ótimo recurso, já a autocrítica é importante para que você se aprimore, mas cuidado com o excesso.

Recomendados

Muito café pode dar ansiedade?
Leia mais...
Estresse das noivas com a chegada do casamento
Leia mais...
Como manter a calma para a prova do Enem?
Leia mais...

0 comments

Responder