05_capa_pasalix_pi.png

Muitas condições e características físicas e comportamentais são transmitidas de pais para filhos através do código genético. Mas e com relação aos traumas? Será que os fantasmas do passado são capazes de serem herdados?

Alguns pesquisadores estão investigando esse tipo de herança obscura: como os eventos na vida de uma pessoa podem mudar a forma como seu DNA se expressa e como essa mudança pode ser passada para a geração seguinte.

Chamada de epigenética, o estudo significa que a expressão dos genes é modificada sem alterar o próprio DNA. Pequenas marcas químicas são adicionadas ou removidas de nosso código genético em resposta a mudanças no ambiente em que estamos vivendo. Essas marcas ativam ou desativam os genes, oferecendo uma maneira de se adaptar às mudanças de condições sem impor uma mudança

Ou seja, as experiências durante a sua vida – particularmente as traumáticas – possuem um impacto real em sua família durante as próximas gerações. Há um número crescente de estudos que sustentam esta ideia.

O estudo foi realizado com apenas 32 sobreviventes do Holocausto e 22 de seus filhos, e um pequeno grupo de controle. Por isso, o estudo não pode ser conclusivo sem olhar para várias gerações e genomas.

Recomendados

10 locais em São Paulo que oferecem Yoga grátis
Leia mais...
Instruções para o paciente com insônia no tratamento não farmacológico
Leia mais...

0 comments

Responder