2_capa_Pasalix_Novembro.png

A alimentação pode ser uma “carta na manga” quando se está ansioso, e se, incorporados no dia a dia, são grandes aliados devido às suas propriedades calmantes e terapêuticas. Confira o que comer para se sentir menos ansioso.

Maracujá: suas folhas contem alcaloides e flavonoides, substâncias depressoras do sistema nervos central, e por isso atuam como analgésicos e relaxante muscular.

Talos das folhas: seja do alface, rúcula ou agrião, os talos das folhas possuem substancias chamadas lactucina e lactupicrina, que são calmantes naturais.

Verduras verde-escuras: o espinafre e os brócolis previnem a depressão. Isso por conta do potássio e ácido fólico, importantes para o bom funcionamento das células. Essas verduras também contém magnésio, fosfato e vitaminas A,C e Complexo B, que ajudam no bom funcionamento do sistema nervoso. Quando estão em baixas concentrações no organismo também diminui os níveis cerebrais de serotonina.

Frutas cítricas: são eficientes relaxantes musculares e por isso ajuda a combater a ansiedade e a fadiga, além de promover melhor funcionamento do sistema nervoso. Por serem ricas em vitamina C, inibe a liberação do cortisol, responsável pelo estresse no corpo.

Peixes e frutos do mar: são alimentos ricos em zinco e selênio, que agem no cérebro e diminuem o cansaço e ansiedade. Zinco também está presente em alimentos integrais e chocolate, assim como o selênio também é encontrado no atum enlatado e na carne de peru.

Castanha-do-pará: Também rica em selênio e possui agente antioxidante, e por isso melhora a depressão. Uma unidade ao dia já fornece a quantia diária recomendada.

Alimentos ricos em vitaminas do complexo B: em momentos de estresse, o corpo utiliza a glicose desordenadamente, consumindo proteínas do musculo como fonte de energia. Alimentos ricos em carboidratos complexos e proteína magra auxiliam na reposição de vitaminas do complexo B.

Banana: Um estudo feito por pesquisadores do Instituto de Pesquisas de Alimentos e Nutrição das Filipinas comprovou que esta fruta ajuda no combate da depressão e alivia os sintomas da ansiedade. Graças ao alto teor de triptofano que a fruta carrega, ajudando na produção de serotonina.

Chocolate: O chocolate é rico em flavonoides, um tipo de antioxidante que favorece a produção de serotonina, neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar e que melhora o humor, reduzindo a sensação de ansiedade. De preferência ao chocolate amargo, bem menos calórico e mais rico em flavonoides.

 

 

*Resultados podem variar de pessoa para pessoa.

Recomendados

O que a alimentação tem a ver com a ansiedade?
Leia mais...
Série “Filmes que fazem bem para a alma” – “Nenhum a menos”, de Zhang Yimou
Leia mais...
Como manter a calma para a prova do Enem?
Leia mais...
7 Dicas para começar o dia com o pé direito
Leia mais...

0 comments

Responder