manias-sono-pasalix

“Só durmo se tiver um travesseiro entre as pernas”

“Desde criança durmo cheirando meu paninho”

“Não consigo dormir se a televisão não estiver ligada”

Todos nós temos nossas manias, na hora de dormir então, é que esses rituais se intensificam e muitas vezes são decisivos para que a gente consiga pegar no sono.

O problema é quando esses hábitos, em vez de ajudar, acabam prejudicando a saúde do sono.
Por exemplo, dormir com a TV ligada, luz acesa ou recebendo estímulos eletrônicos, em longo prazo pode significar a perda da qualidade do sono que pode levar ao desenvolvimento de diversas doenças, inclusive a depressão.

Isso ocorre devido à queda da produção da melatonina, que é produzida quando estamos no escuro. Esse hormônio é muito importante e age como um antioxidante, regulando o ciclo biológico e ajudando a adormecer, além de controlar a liberação de outros hormônios essenciais.

Ter uma postura correta ao dormir colabora para evitar problemas futuros na coluna, musculares e na anatomia do corpo.
Ou seja, dormir com vários travesseiros pode fazer com que a cabeça fique elevada, prejudicando seriamente a musculatura do pescoço e a coluna.
Já diferentemente disso, dormir de lado, com um travesseiro entre as pernas, pode ser uma boa opção para manter a coluna alinhada durante a noite.

Outra mania muito comum e que pode ser prejudicial é o hábito de atacar a geladeira à noite. Essa mania, além de interromper o sono, faz com que a pessoa volte a dormir com a barriga cheia, fazendo com que a energia do corpo se volte para digestão, em vez dos processos metabólicos que devem acontecer enquanto dormimos. Isso pode gerar mal estar, além de colaborar com o ganho de peso e com o desenvolvimento de doenças metabólicas.

Portanto, é preciso estar sempre atendo às manias do no sono. Algumas vezes elas podem ser inofensivas, e realmente nos ajudar a ter um sono melhor, outras vezes, elas podem ser prejudiciais e agravar problemas de saúde futuros.

E você? Qual é a sua mania?

Recomendados

6 sinais de que você está super estressado
Leia mais...
Doenças da mente que podem acompanhar o Transtorno de Ansiedade
Leia mais...
Ansiedade: quando a aceleração dos pensamentos é problema
Leia mais...

0 comments

Responder