2_capa_pasalix_pi.png

Filhos de pais ansiosos correm um risco maior de desenvolver distúrbios de ansiedade. Além da predisposição genética, o ambiente familiar pode enfatizar a hiper vigilância/preocupação, colocando-o em um comportamento de risco para o distúrbio. Por isso, é de grande importância criar um ambiente emocionalmente saudável. Veja algumas dicas de como prevenir esse mal:

– Ajude as crianças a superarem os seus medos e pequenos desafios do dia a dia, para que se sintam mais confiantes e empoderadas.

– Recompense comportamentos corajosos, incentivando mais atitudes como essa. É importante que o esforço tenha tanto valor quanto o resultado.

– Mostre a eles que ter medo é algo saudável e normal entre todas as pessoas, inclusive os mais velhos, e busque sempre a resolução de problemas de forma inteligente. A partir dai, crie mecanismos para vencer o medo e insegurança.

– Se o medo ou ansiedade está começando a prejudicar o funcionamento normal da vida da criança é importante que os pais consultem um profissional.

0 comments

Responder