2_capa_pasalix_pi.png

Viena, a capital austríaca, recebe o título de cidade com melhor qualidade de vida pela 10ª vez consecutiva.

O ranking elaborado pela consultoria Mercer foi criado para auxiliar organizações internacionais a determinar níveis salariais para funcionários expatriados, a lista de 231 cidades é baseada em 39 critérios, como moradia, estabilidade política, crime, lazer, poluição do ar, infraestrutura, sistema de saúde, educação e economia.

Em segundo lugar está Zurique, a maior cidade da Suíça, enquanto a terceira colocação foi dividida por Munique, na Alemanha, Vancouver, no Canadá, e Auckland, na Nova Zelândia. A sexta e a sétima posições ficaram com a Alemanha: Düsseldorf e Frankfurt, respectivamente, seguidas por Copenhague, na Dinamarca, e Genebra e Basileia, na Suíça.

Já as cidades com pior colocação são a capital do Iraque, Bagdá, apesar dos avanços em saúde e segurança identificados pela consultoria. Bangui, capital da República Centro-Africana, ficou em penúltimo lugar, e Sanaa, capital do Iêmen, ficou uma posição acima. Caracas, na Venezuela, sofre com hiperinflação, escassez de itens básicos e crise política e se torna a cidade menos segura das Américas.

Na América do Sul, Montevidéu novamente liderou o ranking, na 78ª posição. Aparecem no top 5 da América do Sul, atrás da capital uruguaia: Buenos Aires (91), Santiago (93), Brasília (107) e Assunção (115).

0 comments

Responder